Escolha uma Página

Em comunicado, empresa disse que está investigando o caso, mas que o conjunto de dados postado parece incluir informações publicamente visíveis que foram extraídas do LinkedIn combinadas com dados agregados de outros sites ou empresas.
Após o Facebook se envolver em um grande vazamento de dados no início desta semana, o LinkedIn se tornou o novo alvo dos cibercriminosos. Segundo informações divulgada nesta terça-feira (6) pelo portal CyberNews, um arquivo contendo dados supostamente de 500 milhões de usuários estão à venda em um fórum de hackers popular.
Ainda segundo informações, quatro arquivos foram vazados e podem conter uma variedade de dados sobre os usuários da rede social, incluindo seus IDs do LinkedIn, nomes completos, endereço de e-mail, números de telefone, além de títulos profissionais e outros dados relacionados ao trabalho. O acesso para essas amostras está sendo vendido por US$ 2 em créditos. No entanto, o autor da ameaça parece estar disposto a leiloar um banco de dados muito maior de 500 milhões por pelo menos uma quantia de 4 dígitos.

Fonte: securityreport

× Como posso ajudá-lo?